segunda-feira, 29 de abril de 2013

A Importancia do Nutricionista na Cirugia Estética

O nutricionista é de fundamental importância, pois é ele quem regulariza o corpo do candidato (a) à cirurgia, intervendo nos principais aspectos, tais como: fortalecimento do sistema imune, melhorar o quadro cicatricial com aumento da formação de colágeno, principalmente para paciente acima dos 50 anos, onde essa formação já começa a ficar defasada, fortalecimento dos vasos sanguíneos também é cuidado pois com os vasos fortificados evitará a formação de hematomas e como isso ocorrerá a prevenção de hemorragias e diminuição de formação de trombos, e por fim, o nutricionista é vital na manutenção da hidratação corpórea, pois é ela quem define o resultado final da cirurgia.
O nutricionista ajuda o paciente a equilibrar os alimentos mantendo um balanço energético adequado para o procedimento, dentre os vários alimentos que temos destaca-se a água, como principal fonte de reposição hidroeletrolítica, as fibras para que o paciente não sofra com formação de gases ou prisão de ventre, os pré e o pró-bióticos para elevar a imunidade, o ferro, zinco, selênio ácido fólico e a vitaminaA, C e E são essenciais na cicatrização e regeneração tecidual, fontes de carboidratos complexos e proteína previnem a volta do tecido adiposo para locais que não foram aspirados, dando aspectos de “plastificado” no paciente que se submente à essas cirurgias e evitam perdas musculares, e o nosso Ômega 3, que promove uma ação antioxidante fantástica no tecido inflamado, modulando também os ácidos graxos livres evitando que o estresse causado pelo procedimento perdure.

O QUE NÃO CONSUMIR ANTES E APÓS O PROCESSO CIRURGICO?
Alguns alimentos não são indicados no pós-cirurgico devido ao seu alto grau de inflamação, fermentação, desidratação e retenção hídrica.
São eles: café, chá preto, refrigerante de cola, sal e alimentos ricos em sódio, repolho, couve-flor, feijões em geral, brócolis, aveia. Após alguns meses esses alimentos já podem está voltando ao cardápio do pacientes, lembrando sempre que os refrigerantes, alimentos condimentados são sempre fontes exageradas de açucares e sódio, por tanto, é importante evita-los sempre, sendo feito seu consumo esporadicamente (quase nunca).

Na intensão de complementar o resultado da cirurgia, é importante não fazer esforços demasiados durante o período de recuperação, manter o tratamento estético com as drenagens, manthus etc... para que o tecido se recupere logo, evitar sol, até que os hematomas desapareçam e o corpo desinche,  beber bastante água para compensar as perdas sofridas durante o processo cicatricial e para garantir a boa formação de colágeno.











Fernanda Negreiros
Nutricionista Clínica e Estética- CRN: 10708/P
Contatos: (085) 8785-4577 / 9691-2092


quarta-feira, 24 de abril de 2013

5 sucos Detox para fazer uma faxina geral no organismo


Para quem quer limpar seu organismo, cinco receitas de sucos detox para deixar você pronta para o que vier.
Green juice - o preferido de estrelas quando o assunto é afinar! 
Rendimento: 1 copo | Tempo de preparo: 5 minutos | Calorias: 95 calorias

Ingredientes:
> 2 folhas de couve
> 1/2 pepino com casca
> 1/2 talo de aipo
> 1 maçã verde
> Suco de ½ limão
> 1 colher (chá) de gengibre
Modo de preparo 
Bata todos os ingredientes no liquidificador. 
Uva + gengibre + canela - metabolismo a mil. 
Rendimento: 2 copos | Tempo de preparo: 5 minutos | Calorias: 155 calorias
Ingredientes:
> 1 copo (200 ml) de suco de uva integral
> 2 colheres (chá) de gengibre
> 1 colher (café) de canela em pó
Modo de preparo 
Bata todos os ingredientes no liquidificador. 
Cenoura + pepino + couve - potência máxima. 
Rendimento: 2 copos | Tempo de preparo: 5 minutos | Calorias: 140 calorias
Ingredientes:
> 1 cenoura pequena descascada ou orgânica com casca
> 1/2 maçã
> 1/2 pepino japonês com casca
> 1 copo (200 ml) de água de coco
> 1 haste de hortelã
> 2 folhas de couve
Modo de preparo 
Bata todos os ingredientes no liquidificador.
Abacaxi + erva-doce - supertermogênico. 
Rendimento: 2 copos | Tempo de preparo: 5 minutos | Calorias: 110 calorias
Ingredientes:
> 1/2 abacaxi
> 1/2 bulbo de erva-doce sem as folhas
> 2 hastes de hortelã
> 1/2 copo (200 ml) de água
Modo de preparo
Descasque o abacaxi e pique a erva-doce e a hortelã. Bata tudo no liquidificador.  
Melancia + limão - bem-hidratada. 
Rendimento: 2 copos | Tempo de preparo: 5 minutos | Calorias: 150 calorias
Ingredientes:
> 1/4 melancia
> 180 ml de água de coco
> 1 ramo de hortelã
> Suco de 1 limão
Modo de preparo 
Bata todos os ingredientes no liquidificador.
E você, tem alguma receita especial? Quer ver publicado aqui? Envie para nós: blogpesoperfeito@gmail.com

terça-feira, 16 de abril de 2013

As fases da Dieta Dukan


Olá, para complementar a postagem anterior(caso não tenha lido, leia clicando aqui) fui ler e entender as fases da Dieta Dukan, o cardápio e como fazer ela funcionar realmente para você.

Primeiro de tudo, consulte um(a) nutricionista. O profissional certo para dizer se a dieta Dukan vai funcionar para você. Através do(a) nutricionista você poderá fazer um cardápio mais correto e mais prazeroso para você, tornando a dieta mais suave e fácil de chegar ao seu objetivo. 


Outra dica fundamental, pratique um exercício físico. Sem ele os resultados da dieta não serão satisfatórios. Uma caminhada de 25 a 30 minutos, seis vezes por semana são bons para acelerar a queima de gordura e fazer seu metabolismo trabalhar bem. Nos dias "pós-festa" você aumenta de dez a quinze minutos esse tempo, ok?

São quatro fases distintas que serão cruciais pro resto de sua vida, então, preste bem atenção e siga corretamente para sua dieta funcionar bem.


Ataque (fase 1)

Curta e intensa, esta etapa da dieta vai fazer você enxugar até 3 quilos em seis dias. Por ter só proteína magra (a exceção é o farelo de aveia, uma vez por dia, para reforçar a saciedade), ela prepara o organismo para responder melhor à dieta. Carne, ave e peixe podem ser consumidos à vontade. Mas, se quiser ter uma ideia de quantidade, siga o cardápio sugerido pela equipe responsável pelo programa Dukan no Brasil

Café da manhã
Opção 1: 1 pote de iogurte natural 0% de gordura + 1 xíc. de chá verde com canela e gengibre
Opção 2: 2 fatias de queijo branco 0% gordura + omelete (1 gema e 2 claras) + 1 xíc. (chá) de café com leite desnatado (adoçante, opcional)
Opção 3: 3 fatias de presunto magro + 1 taça de gelatina diet + 1 xíc. (chá) de leite desnatado batido com 1 ½ col. (sopa) de farelo de aveia

Lanche da manhã
Opção 1:
 2 fatias de queijo branco 0% gordura
Opção 2: 3 fatias de peito de peru light (ou blanquet de peru)
Opção 3: 2 enroladinhos (2 fatias de presunto magro enroladas com 2 col./chá de queijo cottage 0% de gordura)

Almoço
Opção 1:
 Suflê de frango (bata 1 ovo e misture 1/3 de copo/150 ml de leite desnatado, 1 peito de frango cozido e desfiado, salsa, cebolinha, sal e pimenta. Asse em um pirex fundo) + 3 fatias de queijo branco 0% gordura
Opção 2: 1 filé (150 g) de carne (picanha sem gordura ou contrafilé) grelhado (tempere com salsinha, pimenta-do-reino e pouco sal) + omelete (1 gema e 2 claras)
Opção 3: 2 postas (240 g) de peixe (namorado, badejo) assado com ervas (alecrim, salsinha) + 2 col. (sopa) de lula cozida e temperada com vinagrete (molho de vinagre e sal)

Lanche da tarde
Opção 1: 1 fatia média de queijo branco 0% gordura + 2 fatias de presunto magro + 1 xíc. (café) de café preto (use adoçante)
Opção 2: 2 col. (sopa) de pasta de queijo cottage 0% gordura (amasse o cottage com orégano e pimenta-do-reino) + 2 fatias de peito de peru light (ou presunto magro) + 1 xíc. de chá mate batido com leite desnatado
Opção 3: 1 pote de iogurte natural 0% gordura (ou iogurte light de fruta) + 1 taça de gelatina diet


Jantar
Opção 1: 3 espetinhos de peru em cubos grelhados com molho de iogurte (iogurte natural 0% gordura temperado com cebola e alho picados e hortelã) + 6 cubos médios de tofu (ou ricota) temperados e grelhados
Opção 2: 1 medalhão de alcatra (150 g) temperado com ervas e grelhado + 2 fatias de queijo branco 0% gordura
Opção 3: 3 postas médias de peixe (badejo, namorado) temperadas com açafrão, assadas ou grelhadas + 4 kanis kama

Ceia
Opção 1:
 2 ovos de codorna cozidos (ou 1 ovo)
Opção 2: 1 copo (250 ml) de leite desnatado batido com 1 ½ col. (sopa) de farelo de aveia
Opção 3: 1 queijinho fundido (tipo Polenguinho Light)

Alimentos liberados
Na primeira fase, você pode variar o cardápio com estas categorias de alimentos:

Carne branca: aves (com exceção de pato) e coelho. Carne magra: vitela e boi sem gordura, grelhadas, assadas ou cozidas. Peixe (todos): magros, gordurosos, brancos ou não, crus ou cozidos. Frutos do mar: camarão, lula e marisco. Frios: presunto magro, presunto de frango, peito de peru light e blanquet. Laticínios: queijo, ricota, requeijão, coalhada e iogurte 0% gordura e leite desnatado (duas porções por dia, no máximo). Ovo: dois por dia, no máximo. Água: é fundamental beber 2 litros de água por dia. Ela facilita o funcionamento dos rins, responsável por eliminar as toxinas que resultam da queima da gordura. Você também pode consumir chá e café (sem açúcar). Temperos: use ervas, cebola e alho para preparar a comida. Modere no sal e na gordura (use o mínimo de azeite para grelhar as carnes).

Cruzeiro (fase 2)
Nesta etapa, você pode acrescentar verduras e legumes (exceto batata) no prato, mas em dias alternados. Fica assim: um dia segue o cardápio da fase 2 e no outro o da fase 1, só com proteína magra. Repetindo esse esquema por nove dias, dá para emagrecer de 2 a 2,5 quilos. Mas você pode continuar nesta fase se ainda quiser secar mais alguns quilinhos

Café da manhã
Opção 1: Ovo mexido (1 gema e 2 claras) com ricota, presunto magro e tomate + 1 copo (250 ml) de suco de cenoura batida com salsão, água e 2 col. (sopa) de farelo de aveia (adoçante, opcional)
Opção 2: 1 pote de iogurte light de fruta + 1 ovo cozido + 1 xíc. (chá) de café preto sem açúcar (ou chá de erva-cidreira e hortelã)
Opção 3: 1 potinho de leite fermentado zero (tipo Actimel) + 2 fatias de peito de peru light e 1 fatia de queijo branco 0% de gordura + 1 xíc. (chá) de leite desnatado com 1 col. (chá) de cacau em pó sem açúcar

Lanche da manhã
Opção 1:
 5 minicenouras
Opção 2: 2 fatias de rosbife
Opção 3: 4 tomates-cereja + 2 fatias médias de queijo branco 0% gordura

Almoço
Opção 1:
 1 prato (raso) de salada de rúcula e tomate (tempere com sal e vinagre) + 3 col. (sopa) de carne moída cozida com vagem e cenoura em cubos
Opção 2: 1 prato (raso) de salada de alface e cogumelo (tempere com sal e vinagre) + 2 sardinhas frescas assadas com alecrim + 3 col. (sopa) de espinafre refogado com alho
Opção 3: 1 prato (raso) de salada de agrião e abobrinha ralada (tempere com sal e vinagre) + 3 espetinhos de frango, pimentão e cebola grelhados + 3 col. (sopa) de couve-flor e vagem cozidos no vapor

Lanche da tarde
Opção 1: 1 queijinho fundido (tipo Polenguinho Light) + 1 pote de iogurte natural 0% de gordura + 3 palitos de salsão
Opção 2: 1 copo (300 ml) de suco desintoxicante (chá branco gelado batido com couve, cenoura, beterraba e gengibre) + 1/2 lata de atum light com 2 col. (sopa) de queijo cottage 0% de gordura
Opção 3: 3 fatias médias de tofu (ou ricota) grelhadas com salsinha + 4 kanis kama

Jantar
Opção 1: 1 prato (raso) de broto de feijão com vinagrete (sem óleo) + 2 fatias de peito de peru assado com hortelã + 3 col. (sopa) de berinjela refogada com cebola
Opção 2: 1 prato (raso) de salada de escarola, pepino e talos de erva-doce (tempere com sal e vinagre) + 1 prato de shirataki de konhaku (macarrão japonês) com molho à bolonhesa
Opção 3: 1 prato (raso) de salada de chuchu cozido e palmito (tempere com sal e vinagre) + 1 filé de pescada assada com alecrim

Ceia
Opção 1:
 1 taça de gelatina diet
Opção 2: 1 pote iogurte natural 0% de gordura (ou iogurte light de fruta) com 2 col. (sopa) de farelo de aveia
Opção 3: 2 fatias de presunto de frango (ou presunto magro)

Consolidação (fase 3)

** Obs.: o cardápio abaixo não é válido para as quintas-feiras de proteínas puras 

Café da manhã
Opção 1: 
1 copo de leite desnatado com café (adoçante opcional) + 1 fatia de pão integral com 1 colher (sopa) de requeijão cremoso 0% de gordura + 1 maçã
Opção 2: 1 copo de mingau (leite desnatado com 2,5 colheres de sopa de farelo de aveia) + 3 enroladinhos de frios (3 fatias de peito de peru com 2 colheres de sopa de ricota light temperada com orégano)
Opção 3: 1 copo de leite desnatado com 1 colher (chá) de cacau em pó sem açúcar + 1 pote de iogurte natural 0% de gordura + 3 fatias de presunto magro

Lanche da manhã
Opção 1: 1 xícara (café) de café preto (adoçante opcional)
Opção 2: 1 colher (sopa) de goji berries
Opção 3: 3 ovos de codorna

Almoço
Opção 1:
 1 prato (raso) de salada de camarão com kani + 2 Tomates recheados com atum e cobertos com parmesão light + 3 colheres (sopa) de abobrinha refogada
Opção 2: 1 prato (raso) de salada de endívia e beterraba + 2 fatias médias de lombo de porco assado com limão + 3 colheres (sopa) de couve refogada com alho
Opção 3: 1 prato (raso) de de salada de acelga com tomate + 3 pedaços médios de peito de frango com leite de coco light e tofu + 2 colheres (sopa) de couve-flor no vapor

Lanche da Tarde
Opção 1:
 4 palitos de kani
Opção 2: 1 fatia de pão integral com 1 colher (sopa) de pasta de cottage 0% de gordura
Opção 3: 1 xícara (chá) de chá mate gelado com limão

Jantar
Opção 1: 1 prato (raso) de salada de alface, couve de bruxelas e palmito + 1 pedaço médio de lasanha de beringela com tofu + 150g de batata cozida com casca
Opção 2: 1 prato (raso) de salada de rúcula com aspargos + 200g de arroz integral à grega
+ 1 filé de frango com mostarda
Opção 3: 200g de salada de grão de bico com vinagrete + 1 prato (raso) de shirataki de konhaku (macarrão milagroso) com 1 colher de chá de shoyu + 1 filé de merluza assado

Ceia
Opção 1: 1 copo de suco de abacaxi com hortelã + 1 xícara de chá de gengibre e canela + 1 unidade de queijinho fundido light
Opção 2: 3 fatias de presunto de frango + 1 copo de mingau (leite desnatado com 1 colher de sopa de amido de milho) + 2 ovos de codorna
Opção 3: 1 pote de iogurte de frutas 0% de gordura + 2 fatias médias de queijo frescal 0% de gordura
+ 1 unidade de actimel (leite fermentado) zero


Fase 4: estabilização

Pronto, a partir daqui nada mais é proibido - você pode ter uma alimentação normal. Porém, uma vez na semana, deve repetir um dia do cardápio da fase 1, só com proteína (isso a vida toda). É o segredo para não voltar a engordar. Outra recomendação é adotar o consumo diário de três colheres de sopa e farelo de trigo e de aveia. São alimentos que garantem uma boa dose de fibras solúveis - indispensáveis para saciar e manter o intestino saudável, o que também é estratégico para que você deixe de brigar com a balança de uma vez por todas.

Pronto, agora é com você. Depois nos diga como foi sua dieta e os resultados que você teve, ok? Não esqueça de comentar!

segunda-feira, 15 de abril de 2013

A melhor dieta para emagrecer - Dieta Dukan



O que é a Dieta Dukan? Como é a Dieta Dukan? Quer perder peso fácil e rápido? Quer emagrecer rapidamente sem passar fome? A dieta Dukan permite uma perda bem rápida de peso - de 2,5 a 3 quilos em seis dias - desde que, nesse período, você coma proteínas magras (e nada mais!) até se sentir satisfeita. O objetivo da dieta é modificar o seu metabolismo, acelerando a queima de calorias e ajustando o organismo para a próxima etapa, quando o programa libera verduras e alguns legumes (depois posto os cardápios elaborados pela equipe do doutor Dukan). Você continua emagrecendo num ritmo mais lento, mesmo assim vale o esforço: de 2 a 3 quilos a menos em dez dias. 

Como a dieta funciona?



Mais do que emagrecer rapidamente, a dieta do momento promete manutenção do peso por toda a vida. E vem acompanhada da frase mágica "comer sem restrição". Em parte, é verdade: você pode se fartar de proteína - nutriente principal (e praticamente único) da fase de ataque, a primeira do programa composto de mais três etapas (transição, consolidação e estabilização). Mas, antes de achar que a Dieta Dukan é mais um regime passageiro, saiba que o livro vendeu 3,5 milhões de cópias na França em 2008 e, agora, está bombando na Inglaterra. O médico e nutrólogo Pierre Dukan espera fazer o mesmo sucesso nos Estados Unidos. No Brasil, a versão de bolso (Emagreça sem Sacrifícios, editora Ediouro) colocada nas livrarias ano passado também fez barulho, principalmente depois da notícia de que o método francês ajudou Kate Middleton e Jennifer Lopez a emagrecer. O resultado é inspirador! 

Dieta de fases? 



Curiosos para saber como funciona? Na primeira fase da dieta, que pode durar de um a cinco dias (você deve calcular no site da Dieta Dukan), dá para enxugar até 2 quilos comendo carne magra, frango e peixe à vontade, além de porções moderadas de ovo e queijo e iogurte 0% gordura e leite desnatado. E água, muita água! Depois, você recebe sinal verde para verduras e legumes (menos batata), e continua emagrecendo - mais lentamente, é claro. Mas dá para ficar nessa etapa até atingir seu objetivo na balança. A terceira fase libera fruta e porções controladas de pães e massas integrais. Os carboidratos refinados (pães, massas e biscoitos feitos com farinha branca, pobre em fibras) ficam de fora. "Eles têm alto índice glicêmico - no processo digestivo viram açúcar muito rápido, prejudicando o trabalho da insulina, o hormônio que cuida de levar a glicose para dentro das células. Com isso, sobra açúcar na circulação e esse extra é estocado na forma de gordura", explica o nutrólogo Alexandre Merheb, do Espaço Merheb, no Rio de Janeiro. Assim como o médico francês, Alexandre defende iniciar a dieta comendo apenas proteína - o objetivo é restabelecer a função da insulina e facilitar a perda de peso. Na quarta e última etapa, o cardápio volta a ter de tudo. Mas, para não engordar novamente, existe um segredo que depois contaremos para você. 

O Atkins francês 

Não dá para negar. O programa de emagrecimento de Dukan é uma releitura da famosa Dieta de Atkins, criada nos anos 1960. A versão americana foi recriminada por médicos e nutricionistas por permitir o consumo indiscriminado de bacon e carnes gordas - um verdadeiro atentado ao coração. A proposta de Dukan é mais saudável, pois sugere o consumo de proteínas vindas das carnes magras (sem gordura embutida), frango e peixes. Ele também teve o cuidado de indicar apenas as gorduras boas - consideradas amigas do peito. E, mesmo assim, só no fim da dieta, na fase da estabilização do peso. Antes disso, o uso de óleo é liberado em doses mínimas, apenas o suficiente para você grelhar ou refogar um alimento.



Sempre lembrando, para você seguir essa ou qualquer outra dieta, sempre é necessário você consultar um(a) nutricionista.

Adaptação de um artigo do site Boa Forma.
Para ver a matéria original, clique aqui.

domingo, 14 de abril de 2013

Dia Mundial do Café


Hoje vim render uma homenagem a quem me ajuda há muito tempo, o café. Hoje é comemorado o dia Internacional do Café, o grão mais apreciado em todo o mundo. O café merece inúmeras homenagens e essa é mais uma valiosa homenagem.

O café te dá a energia para começar bem o dia. Aquece as manhãs de todos da família. Anima amigos reunidos no mundo todo, todos os dias e em todas as horas! Nada mais natural que prestar homenagens ao grão que até tem um dia especial. Na realidade, são dois dias: hoje, 14 de abril, é celebrado o Dia Internacional do Café e, no dia 24 de maio, o Dia Nacional.


Para todos os "cafemaníacos" que nos seguem, deixamos uma receita de um café bem saboroso e fácil de fazer.


Ingredientes:
100 gr de café instantâneo granulado
100 ml de água
800 gr de açúcar

Modo de Preparo:
Colocar na tigela da batedeira (de preferência na Planetária), primeiro o café solúvel, em seguida a água fervendo para escaldar e por último o açúcar. Ligar a batedeira no máximo e deixar bater até formar um creme bem fofo e homogêneo. Leva de 10 a 15 minutos. Guardar em embalagem de sorvete (de 2 litros),na geladeira. Dissolver 1 colher (sopa) do café cremoso em 1 xícara de leite fervendo.



Bem, por hoje é só, amanhã estamos de volta. Tenham todos uma excelente noite e uma semana abençoada.

sábado, 13 de abril de 2013

Suco Bronzeador - Como preparar um?



Além do indispensável filtro solar, os dermatologistas sempre recomendam outro cuidado para quem quer ficar com a cor do verão: comer cenoura, batata-doce, abóbora, beterraba, mamão papaia, manga, brócolis e espinafre. Eles são bastante ricos em betacaroteno. O nutriente, que confere às frutas a cor amarela e alaranjada e nas folhas, ele é camuflado pelo verde da clorofila, é empregado pelo organismo para formar a vitamina A e reforçar a co-loração do bronzeado tão procurado por todos nós.

“A substância também ajuda a barrar uma parte dos raios ultravioleta A, responsáveis pelo envelhecimento precoce e pelo câncer de pele”, revela o dermatologista Humberto Ponzio, de Porto Alegre. Para ativar o poder bronzeador, o ideal é ingerir cerca de três cenouras diariamente, mas também podemos substituir por um dos alimentos citados no parágrafo anterior. “O betacaroteno funciona ainda como se tingisse a pele internamente, mesmo na ausência de raios solares”, esclarece o dermatologista José Carlos Greco, de São Paulo.


BETACAROTENO

E os suplementos?

Como não apresentam toxicidade, suplementos de betacaroteno têm sido receitados por alguns profissionais de saúde. “Há pessoas que não conseguem obter a quantidade do nutriente nas refeições”, justifica o médico ortomolecular Fernando Flaquer, de São Paulo. Mas há polêmica: “Alguns estudos mostram que doses muito altas predispõem ao câncer e outros afirmam que, ao contrário, protegem contra essa doença”, diz o médico e nutricionista Fernando Salvador Moreno, da Universidade de São Paulo.

PERIGOS DO EXCESSO DE ALIMENTOS QUE BRONZEIAM

O teste da palma das mãos

Para saber se você está ingerindo grandes quantidades de betacaroteno, observe a palma das mãos. Se ela fica amarelada, é sinal de acúmulo da substância. Para o estoque na pele diminuir e a coloração desaparecer basta interromper a ingestão. “O betacaroteno também tende a se depositar mais em áreas oleosas, como a testa e as costas”, explica Humberto Ponzio.


Suco bronzeador

Ingredientes:
• 1 copo pequeno de suco de laranja
• 1/2 beterraba crua e 1 cenoura média

Modo de fazer:
Centrifugue a cenoura e a beterraba e misture ao suco de laranja

Se você quer um tom de pele bonito no verão, consuma os seguintes alimentos um mês antes de lagartear na praia: cenoura, abóbora, manga, espinafre, pimentão, brócolis, couve, melão, mamão papaia, tomate, beterraba e melancia

Cuidado!

Quem tem a pele muito clara deve controlar a dose de betacaroteno. Há o risco de surgir um tom amarelado artificial. Já nas pessoas morenas a coloração produzida pelo nutriente tende para o dourado.


Artigo adaptado do site da revista Saúde:
http://saude.abril.com.br/especiais/verao/conteudo_266786.shtml

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Superalimentos

O que são os “Superalimentos”?

Apesar de não existir um definição técnica de “superalimento” é hoje comum referirmos a alimentos (em particular frutos e hortícolas) cuja composição nutricional confere mais benefícios para a saúde comparativamente a outros alimentos.

Ao fim ao cabo, são alimentos carregados de energia, nutrientes e micronutrientes que oferecem ao nosso corpo doses extras de vitaminas, aminoácidos, fibras, minerais e outros nutrientes, de uma forma completamente equilibrada, natural e totalmente assimilável pelo nosso corpo.

O mesmo não acontece com os complexos vitamínicos e minerais sintéticos. O empobrecimento dos solos, o aumento da poluição, os estilos de vida estressantes e a constante exposição do nosso organismo a toxinas, reduzem não só os níveis de nutrientes presentes na nossa comida como também a capacidade do nosso corpo de os armazenar de forma equilibrada.

Motivos pelos quais, é boa ideia incorporar os “superalimentos” e suplementos naturais biológicos na nossa dieta diária.


Maca Peruana

A Maca Peruana é uma planta da família das crucíferas (Lepidium meyenii Walp. ou Lepidium peruvianum Chacon) que apresenta um tubérculo, à semelhança do nabo e é oriunda tal como o titulo indica dos Andes peruanos. Esta espécie cresce em zonas inóspitas, a mais de 4000 metros de altura, em condições climatéricas severas de extremo calor durante o dia e temperaturas negativas durante a noite. É, aliás, nesta zona, a única planta a desenvolver-se.



Quinoa
A quinoa vem ganhando espaço na mesa dos brasileiros. Considerada um dos alimentos mais completos em nutrientes pela Academia de Ciências dos Estados Unidos e pela Organização das Nações Unidas, equiparando-se apenas ao leite materno, ela previne a osteoporose e o câncer de mama. 




Castanha do Brasil
Uma castanha do pará (rebatizada recentemente como castanha-do-brasil) por dia garante a quantidade mínima de selênio necessária ao nosso organismo, recarregando este mineral que combate o envelhecimento celular e garante uma vida longa e saudável. Para se ter uma idéia, a mesma quantidade de selênio encontrada em 5g de castanha-do-pará (uma unidade) é encontrada em 3 filés de frango (100g cada), 16 pães franceses (50g cada), 26 camarões (20g cada), 2 latas de sardinha em conserva (130g cada), 10 ostras (33 gramas cada) ou 100 copos de leite (200ml por copo). O selênio é fundamental para acionar as enzimas que combatem os radicais livres. O excesso deve ser evitado. A médio e longo prazo, a ingestão diária de mais de 2 a 4 castanhas-do-brasil pode levar à dores de cabeça, unhas fracas e queda de cabelo.




Nozes
As nozes são ricas em gordura saudável. São também ricas em anti-oxidantes como os ómega 3 e polifenóis. Apesar de conterem muita energia, não está comprovado que se ingerir 5 a 6 nozes por dia, aumentaria de peso. Elas são tão poderosas que a ingestão diária dessas 'cápsulas de saúde', mesmo em pequenas quantidades, pode evitar - acredite! - até 65% o risco de doenças do coração. Isso porque reduzem as taxas de colesterol e a formação de coágulos no sangue, além de ter ação antiinflamatória. Os responsáveis por esses benefícios são os ácidos graxos essenciais, principalmente o linolênico e o linoléico. Mais: contêm fósforo e potássio e pouco sódio, o que fortalece o músculo cardíaco.




Cacau
Os  benefícios à saúde provenientes do cacau já são conhecidos há centenas de anos. Este alimento é rico em vitaminas A, B, C, D, E e minerais como ferro, cálcio, fósforo, potássio e sódio. Além disso, o cacau apresenta alto teor fibras e de flavonóides (antioxidantes). Estudos mostram que o cacau em pó tem duas vezes mais antioxidantes que o vinho tinto e três vezes mais do que o chá verde. Estes antioxidantes auxiliam no combate aos radicais livres, retardando, assim, o processo de envelhecimento e contribuindo para a prevenção do câncer.  Os flavonóides do cacau também ativam a produção de óxido nítrico no corpo, levando ao relaxamento dos vasos sanguíneos e à queda da pressão arterial.




Peixe
A maior parte das pessoas associam o peixe aos ácidos gordos ômega 3. Esta é uma excelente gordura para proteção de doenças do coração. Além destes ácidos gordos, poderá encontrar também o Selênio  Este micro-nutriente é um potente anti-oxidante. Um estudo realizado pela Universidade da Califórnia revelou que uma dieta rica em selênio aumentava as defesas do sistema imunitário. Outros estudos demonstram que o excesso também pode ser prejudicial. Por conseguinte, deverá incluir alimentos com selénio na sua alimentação e deverá evitar tomar suplementos de selênio.


Esses são alguns dos mais importantes, em breve falaremos um a um dos alimentos mais necessários na nossa alimentação diária.

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Goji berry, a sua nova ajuda para emagrecer



Ela parece mais um tomatinho cereja seco, muitos dizem que seu sabor é amargo, azedo, mas se consumido com iogurte por exemplo, o sabor fica bem agradável  e melhor ainda são os benefícios que a goji berry pode proporcionar para sua saúde e ajudar na sua dieta.
Esta frutinha originária da China e Tibet, bastante consumida por lá, é encontrada no Brasil  em farmácias de manipulação e lojas de produtos naturais, na forma de fruta seca (desidratada) e em cápsulas.
E mesmo sendo desidratada ela possui alto poder nutritivo. Veja alguns dos seus muitos benefícios:
- Ríquissima em vitamina C, tornando-se um valioso antioxidante, combate o envelhecimento e aumentando a longevidade.
- Contém fibras que ajuda no bom funcionamento do organismo e também melhora a saciedade.
- Acelera o metabolismo. Aliar o consumo da goji berry a uma alimentação saudável e a prática regular de exercícios ajuda a emagrecer.
- Ajuda no tratamento da diabetes e colesterol elevado.
- Colabora com o bom trabalho do sistema imunológico.
- Devido a presença de aminoácidos, entre eles o triptofano em sua composição, ela favorece o bom humor, já que esta substância é responsável pela sensação do bem-estar.

Você pode consumir de várias maneiras, incluir no iogurte, picar e misturar com cereais, bater com leite e outras frutas e fazer uma vitamina, fazer suco, incluir em preparações doces. Com 1 colher de sopa por dia você já vai poder sentir os benefícios.
Famosas como a Kate Moss, Victória Beckham e a Madonna já incluíram essa frutinha no seu cardápio, e você, quer experimentar?
Depois nos diga o que achou, certo? 
Matéria escrita por Roberta dos Santos Silva. 
Nutricionista-chefe do programa Cyber Diet, formada pela Universidade Católica de Santos CRN-3 14.113
Para ler a matéria original, clique aqui.

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Nutricionista - Porque você deve procurar um


Hoje resolvi começar a semana falando sobre um assunto que a muito tempo quero debater aqui no blog. A necessidade de consultar um(a) nutricionista, tanto para quem visa o emagrecimento, quanto quem precisa
Para quem ainda não sabe, não sou nutricionista, não estudo Nutrição, mas admiro muito essa profissão. Desde que trabalhei cobrindo eventos de ciclismo e conheci a nutrição esportiva, comecei a me interessar mais pelo assunto e no ano passado ao conhecer a Nutricionista Débora Fonseca e trabalhar seis meses com ela, me apaixonei perdidamente por essa maravilhosa profissão. 

Aliás, foi graças a Débora que nasceu o Peso Perfeito. Na época que comecei a trabalhar pra ela, criei o grupo para agregar dicas de alimentação e bem estar que foi batizado com a ajuda dela com o nome Peso Perfeito. Eramos cerca de mil pessoas convivendo diariamente, usava basicamente para divulgar o blog dela e ações para conquistar novos clientes para o seu consultório. 
Como em qualquer campanha de marketing, os resultados não vieram tão rápido e por questões  particulares, nossa parceria veio a acabar em outubro do ano passado. Mas nossa amizade não, continuei tocando o grupo que na época tinha pulado para quase duas mil e quinhentas pessoas conectadas. No fim do ano cheguei a conclusão que a família Peso Perfeito deveria crescer e comecei a pensar no blog. Fiz uma fanpage e um twitter para que pudesse testar algumas ferramentas e o alcance do blog. Na virada do ano lancei o blog, e meu amor com a nutrição cresceu mais ainda.



Então, vamos falar sobre o que faz um nutricionista e porque ele é essencial nas nossas vidas? Então, primeiro vamos a definição de Nutrição:¹

É a ciência que investiga e controla a relação do homem com o alimento para preservar a saúde humana. O nutricionista planeja, administra e coordena programas de alimentação e nutrição em empresas, escolas, hospitais, hotéis, restaurantes comerciais, spas e asilos, entre outros locais. Ele define o cardápio das refeições, sugerindo pratos que supram as necessidades nutricionais de clientes, pacientes ou hóspedes. Orienta e prescreve dietas individuais ou de grupo, para diabéticos, hipertensos, obesos, pacientes de doenças renais, hepáticas ou qualquer outra cujo tratamento exija acompanhamento alimentar específico. Para garantir a qualidade do que vai ser consumido, seleciona os fornecedores, controla matérias-primas e supervisiona a preparação dos alimentos.



E o(a) nutricionista?²
O nutricionista é um profissional de saúde com formação generalista, humanista e crítica. Está capacitado para atuar visando à segurança alimentar e à atenção dietética, em todas as áreas do conhecimento em que a alimentação e nutrição se apresentem fundamentais para a promoção, manutenção e recuperação da saúde e para a prevenção de doenças de indivíduos ou grupos populacionais. Sua atuação contribui para a melhoria da qualidade de vida e deve ser pautada em princípios éticos, com reflexões sobre a realidade econômica, política, social e cultural do país.
Os nutricionistas não devem ser confundidos com os médicos nutrólogos.
O Nutrólogo é formado em Medicina e com pós-graduação ou residência na área de nutrologia. Com especialização em doenças provocadas pela alimentação inadequada, o nutrólogo é capaz de avaliar carências de nutrientes no organismo, além de tratar obesidade e infecções gastrintestinais.



O que um nutricionista pode fazer?¹

Administração
Supervisionar e gerenciar a produção de alimentos em indústrias alimentícias. Supervisionar e gerenciar a produção de refeições em cozinhas industriais, hospitais, restaurantes de empresas comerciais, creches, escolas, asilos, spas, hotéis, empresas de serviço de bufês e congelados.
Catering
Elaborar cardápios para empresas diversas, como companhias aéreas e produtoras de cinema e TV ou de espetáculos teatrais.
Controle nutricional
Criar cardápios balanceados para todos os tipos de cliente.
Desenvolvimento de produto
Pesquisar e desenvolver produtos para a indústria alimentícia, fazendo testes culinários e degustação dos pratos. Prestar consultoria a empresas do setor de alimentos.
Gastronomia
Controlar a qualidade da cozinha e as condições de higiene de restaurantes. Elaborar cardápios.
Nutrição clínica
Prescrever dietas a pacientes de hospitais, clínicas, instituições de longa permanência, ambulatórios e consultórios, além de adaptar a alimentação aos tratamentos clínicos. formular dietas de emagrecimento e para qualquer tipo de patologia. Promover a reeducação alimentar. Gerenciar bancos de leite humano e lactários.
Nutrição esportiva
Elaborar e coordenar o acompanhamento alimentar de atletas e praticantes de atividade física, criando dietas adequadas.
Saúde coletiva
Realizar e coordenar atividades de alimentação e nutrição para programas institucionais, de atenção básica e de vigilância sanitária.
Docência e pesquisa
Atuar em atividades de ensino, extensão e pesquisa relacionadas à alimentação e à nutrição.


Hoje trabalho com alguns nutricionistas, tentando explicar as pessoas que dietas de revista só servem se o seu nutricionista adaptá-la para a realidade da pessoa.
Nesse caminho, conheci nutricionistas que recomendo de olhos fechados, como a querida Nutricionista Fernanda Negreiros. Uma excelente profissional que além de trabalhar aqui em Fortaleza, também trabalha no interior. Uma pessoa fantástica que já mudou a vida de muita gente através de um planejamento nutricional preciso e vencedor. 
Nutricionista Fernanda Negreiros
O blog está se profissionalizando, em breve estrearemos em uma outra plataforma, com um endereço próprio e novos serviços. Por enquanto, fique ligado em nossa fanpage, basta clicar no curtir que está na barra lateral da página. Para nos seguir no twitter, basta clicar aqui.

Nas próximas postagens, venho falar de outras áreas da nutrição em que nossa família Peso Perfeito está trabalhando. Fiquem conectados!

O que achou da postagem? Faltou alguma coisa? Deixe seu comentário e me ajude a escrever o blog, sua ajuda será muito bem vinda.

Fontes:
1: http://guiadoestudante.abril.com.br/profissoes/saude/nutricao-687250.shtml

2: http://pt.wikipedia.org/wiki/Nutricionista

sexta-feira, 5 de abril de 2013

Dieta da Sopa - Vale a pena?


Antes eu dizia que fazia a dieta da sopa, deu sopa eu comia. Muitos diziam que a Dieta da Sopa era uma forma de perder peso rápido e saudável. Depois de querer entender mais, vim tentar explicar um pouco sobre mais esse mito da nutrição.

Suas vantagens e desvantagens, seu lado bom e seu lado não tão bom. Aproveitei uma matéria que recebi dos queridos da Dieta e Saúde e venho reproduzir para vocês.


Como funciona a Dieta da Sopa?

A dieta sugere a substituição de duas das principais refeições (almoço e jantar) por sopas caseiras ou prontas durante uma semana. A promessa é a eliminação de cerca de 3 kg em 15 dias.

Existem diversas variações da Dieta da Sopa, mas a única mudança em geral é a receita da sopa, as mais conhecidas são a do Hospital do Coração e a Dieta da Sopa de Repolho.

Na dieta não é permitido bater as sopas no liquidificador e os legumes e verduras devem ser picados em pedaços maiores para assim promover a mastigação. Como forma de incrementar o sabor, é permitido utilizar carne, frango, atum, ovos batidos, purê de batatas, aveia ou queijos.

As sopas industrializadas, com exceção das sopas cremosas, podem ser utilizadas, e para deixá-las mais “nutritivas” a dieta permite a adição de vegetais frescos.

Leguminosas como feijão, grão de bico, lentilha e ervilha não devem ser adicionados a preparação, assim como arroz e massas, até mesmo o tradicional pão de acompanhamento não deve ser consumido.

Vantagens da Dieta da Sopa

Uma característica positiva que pode ser relacionada à dieta da sopa é o elevado consumo de legumes e verduras, alimentos fontes de vitaminas e minerais fundamentais para o bom funcionamento do organismo. Os adeptos da dieta da sopa, durante o período de realização da dieta, consumem estes alimentos como ingredientes das sopas, o que pode estar de acordo com a recomendação de consumo para esse grupo alimentar que é de no mínimo 3 porções ao dia.

Desvantagens da Dieta da Sopa

A dieta da sopa é muito pobre em calorias, ficando muito abaixo das necessidades energéticas de um individuo adulto e assim representando uma grande restrição energética. Durante o período em que a dieta é realizada seus seguidores podem apresentar fraqueza, tonturas, dores de cabeça, cansaço, mau humor e indisposição. Estes sintomas estão relacionados à baixa ingestão de carboidratos, principal fonte de energia do organismo, ocasionada pela exclusão das massas como pães, biscoitos, macarrão, arroz, entre outros. Sendo assim, a dieta não deve ser seguida por longos períodos.

O cardápio proposto pela dieta, apesar de rico em vitaminas e minerais é pobre em proteínas, carboidratos e gorduras contrariando os princípios de alimentação saudável e equilibrada. A restrição de leguminosas pode comprometer o fornecimento de aminoácidos e proteínas ao corpo, bem com comprometer a adequada ingestão de ferro, nutriente essencial para o transporte de oxigênio, encontrado no feijão. Além disso, a restrição de gorduras pode também prejudicar o organismo, uma vez que esse nutriente está relacionado à composição de hormônios e atua na absorção de vitaminas lipossolúveis.

O elevado consumo de sopas industrializadas representa uma excessiva ingestão de sódio, mineral que em altos níveis promove o aumento da pressão arterial e favorece a retenção de líquidos no corpo.
A monotonia que a dieta representa também pode ser apontada como outra desvantagem. Geralmente sua adesão fica comprometida devido à falta de opções do cardápio. Os seguidores dessa dieta acabam por desistir no meio do caminho, pois ficam enjoados de consumir sopa todos os dias.
A dieta promove uma perda rápida de peso, contudo essa perda não representa uma perda de gordura somente, mas também de água e músculos. Ao realizar a dieta da sopa o metabolismo tende a ficar mais lento o que pode ajudar no reganho de peso após o término da dieta.
Outro fator a ser levado em consideração é que a dieta não promove uma reeducação alimentar, ou seja, não transmite a seus adeptos os conceitos de uma alimentação saudável, e não promove a mudança de hábitos o que compromete o controle de peso permanente.

Resumindo, prefira uma dieta receitada por seu nutricionista, a uma dieta da moda. Pois pesando os prós e os contras, você acaba não emagrecendo o desejado e pode até recuperar o peso perdido nas semanas seguintes a sua dieta.
Vamos tomar uma sopa?

Matéria retirada do site Dieta e Saúde. Se quiser ler o original, clique aqui.